Sexo em Público

Quanto mais eu estudo o erotismo e a sexualidade humana, menos eu me surpreendo com fatos que minhas pesquisas me revelam.

Nossa sociedade ocidental contemporânea, tem evoluído muito com relação a sexualidade. Temas que eram tabu há 30 anos atrás hoje são considerados normais e aceitos dentro das praticas do dia a dia.

Um exemplo disso é que hoje em dia, pais acham normal que namorados durmam juntos e claro tenham relação sexual. Há 30 anos atrás isso seria considerado um absurdo. Claro que essa regras de comportamento são distintas para cada grupo social, mas de maneira geral, o ato sexual em é considerado em nossa cultura como algo que se pratica em caráter privado. Há quem quebre essas regras e considere isso como um elemento erótico excitante. Há por isso os que gostam de exibicionismo e consideram essa prática fundamental para criar um clima todo especial no jogo do erotismo.

Mas essa notícia que me chegou há uns dias atrás, me mostra que os limites do aceitável é elástico e cultural. Fazer sexo em público pode ser inaceitável para muitos, mas para este casal, sem dúvida o risco de fazer sexo em público deve ter tido uma conotação erótica gigantesca. Principalmente por que o público a que me refiro, era um estádio de futebol repleto de torcedores.

Ai eu me lembro de alguém que anda contando despudoradamente os segredos eróticos de seu casamento na blogesfera e me pergunto: Será que ela teria coragem de fazer isso também?

Casal é expulso de estádio na Alemanha por sexo durante jogo

Um casal de torcedores do Bayern de Munique foi expulso do estádio do Hoffenheim por fazer sexo na arquibancada durante o empate por 0 a 0 entre as duas equipes, pelo Campeonato Alemão, no último sábado. Havia 30 mil pessoas presentes na arena.

O casal foi flagrado pela primeira vez aos 16min do primeiro tempo. Os seguranças chamaram a atenção dos dois. Porém no intervalo ambos recomeçaram o ato e acabaram expulsos do local sob ameaça de serem presos por atentado ao pudor.

“Eles não tinham inibições. Os dois abaixaram as calças e começaram, enquanto as pessoas em volta não pareciam se incomodar com aquilo”, disse um torcedor que presenciou a cena ao jornal alemão Bild

Veja a noticia original aqui

This entry was posted in Reflexões, reportagens and tagged , . Bookmark the permalink.

9 Responses to Sexo em Público

  1. Marrie says:

    kkkkkkkkkkkkkk
    A resposta a essa pergunta é: NÃO! E explico o porquê…. poderia até fazer sexo com alguém (como já fizemos – rs) a nos olhar. Mas, na verdade, o q me excita não é o fato da exibição em si. Me excita provocar, seduzir, dividir o tesão com alguém além do meu marido, como com uma “amiga” convidada, por exemplo. Mas alguém q esteja fazendo parte daquele tesão. Fazer isso com um estádio inteeeeeiro já não poderia ter essa conotação, não é?
    bjs “despudorados” pra vc……rs

  2. Poeta says:

    Ah….. Que bom. Ganhei beijos despudorados…… Claro que os aceito!!!! – Pena que moramos em continentes distintos, se não ia querer cobrá-los pessoalmente. O único problema é que beijos só são despudorados se houver público presente que os considere assim…. Então minha cara esses beijos vão ter que ser no mínimo em praça pública ou que sabe atraves da camera do computador….

    Beijinhos safados pra voce….

  3. Marrie says:

    Quer dizer q além da poesia vc tbém usa as palavras p/conseguir o q deseja, não é? Grande espertinho….. está me provocando, não? Hum, quem sabe acontece um dia, não é? rs

  4. Poeta says:

    Mary, Desculpe a demora para responder, mas estava viajando…

    Claro que eu uso as palavras para conseguir aquilo que quero. Isso é parte intrinseca de ser um poeta. Segundo Cora Coralina, o poeta é o artífice das palavras. Mas não são só os poetas que usam o recurso das palavras para mudar comportamentos. Psicologos também o fazem….. Não é mesmo? Então, e como diz um ditado pouplar, quem muito pede um dia consegue…..

    Portanto fico no aguardo dos beijos despudorados, mesmo que seja por uma web-cam deixada ligada ao acaso da noite….. rs rs rs

  5. Marrie says:

    nan-nan-ni-nan-NÃO!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Vc é mesmo doido!

  6. Poeta says:

    Eu é que sou doido???? rsrsrsrssrs
    Voce me provoca com beijos despudorados, voce é quem conta seus segredos, voce é que adora uma ervinha depois da transa e eu é que sou o doido??? rsrsrsrsrsrssrsr

    Doido mesmo é o cara que transou saltando de paraquedas….. Essa sim que é doidice…leia a estória no meu post de hoje…

    E pra voce não ficar zangada comigo beijos platonicos pra voce (mas de olhos abertos….)

  7. Marrie says:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  8. SAM says:

    Cheguei atrasada, mas sou de casa e não precisa haver constrangimentos em entrar na janelinha para responder o post rsrs

    Poeta, o problema não é tanto o fazer e Marrie toparia o desafio. O problema são as leis….Onde o bicho pega.

    Beijos

  9. Pingback: Sexo sem paredes | Erotismo, Poesia e Filosofia

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s