A Pílula do tesão.

Uma das mais surpreendentes notícias a que tive acesso esta semana é sobre os avanços que estão sendo feitos nas pesquisas para o desenvolvimento de uma pílula do tesão para mulheres.

Para os homens não há que desconheça o Viagra e seus similares, mas eu não estou falando de um Viagra para mulheres. A verdade é que tesão nada tem a ver como ereção e drogas como o Viagra e que tais, funcionam bem para resolver o aspecto físico da disfunção erétil aumentando a circulação sanguínea no pênis para criar a ereção. Isso não significa no entanto que o Viagra ajude a criar o tesão emocional que vem aliada ao desejo sexual. Como diz um dos meus alunos por aqui, ter “pau duro” não garante que a gozada será boa…. nem para o homem  ou para a mulher. O seja o Viagra é uma boa ajuda para quem precisa, mas ele é incapaz de criar as condições emocionais e psicológicas que levam a uma boa trepada.

No caso das mulheres a situação é mais complicada ainda, já que não existe um Viagra feminino. Na área de neurociência, muito se tem evoluído nos últimos anos para entender os aspectos bioquímicos que levam um indivíduo a ter depressão, sentir tranqüilidade, ou sentri-se emocionalmente equilibrado. Um exemplo clássico foi o desenvolvimento da Fluoxetina, o principal composto do famoso Prozac, que alguns tem chamado de pílula da felicidade e que hoje é largamente usada no tratamento de muitos casos de depressão.

Mas a boa notícia é que talvez em bem pouco tempo tenhamos a pílula do tesão feminino, aquela que vai garantir que toda e qualquer mulher tenha seu desejo sexual intensificado ou simplesmente, tenha desejo sexual, o que para muitas mulheres é algo bastante difícil de acontecer.

Uma descoberta ao acaso, recentemente revelou que existem algumas proteínas e neurotransmissores que estimulam a região do cérebro responsável pela libido sexual e alguns pesquisadores estão agora atrás de entender melhor como isso funciona. Talvez demore ainda algum tempo para a píplua ser comercializada, pois o grande problema que se tem que resolver é que as mesmas proteínas que estimulam o tesão, estão também presentes no vírus da raiva animal e podem causar todos os sintomas associados a ela, como a extrema agressividade, a hidrofobia e o excesso de salivação (ver noticia correlata aqui).

Essas descobertas me trouxeram a mente uma velha expressão popular que diz algo assim:

“Ela estava  louca,  babando de tesão…”

Agora eu entendo o porque dessa frase e mais uma vez me curvo para a sabedoria popular!

.

This entry was posted in Genérico, Reflexões, reportagens and tagged , , . Bookmark the permalink.

3 Responses to A Pílula do tesão.

  1. viagra says:

    Bom ai sim vai ser muito louco, o homem tomando viagra e a mulher a pilula, segura peao.

  2. SAM says:

    Interessante mesmo, Poeta. Há coisas, detalhes, que passam ” batidos”. Mas é verdade que o tesão faz babar sim! Aliás basta pensar ou pronunciar a palavra t e s ã o que logo salivamos. Mas se aqui não viesse o tema em questão continuaria a babar na prática ignorando a teoria. Mesmo a importância da salivação: outro dia tive um problema de desconforto e inconveniência passageira: tudo que engolia virava um inchaço ( um papo estranho) e a receita do ortobucal foi um gel lubrificante na boca e na língua….
    Beijos

  3. Marrie says:

    Respondendo sua pergunta…… diria q babei e babo, mas não necessariamente ao pé da letra, ou seja, pela boca….. serve assim? rs
    bjs

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s